Bandas e artistas locais que se apresentaram no Carnaval Antecipado de Itabuna estão cobrando pagamento dos cachês. A folia em Itabuna foi realizada no período de 18 a 21 de janeiro, nas avenidas Aziz Maron e Mário Padre.

Ao contrário das atrações nacionais – que foram pagas pelo Governo da Bahia, as bandas e cantores locais parcelaram cachês em duas vezes, com o primeiro pagamento para o início de abril e o segundo previsto para maio.

“Tivemos na FICC [Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania] e disseram que nem há previsão de pagamento”, afirmou um artista, mas pedindo anonimato para não sofrer retaliações.

Mais de 20 bandas e cantores se apresentaram na folia itabunense. Funcionários teriam informado que o pagamento ainda dependeria da nomeação de um contador para a FICC. A folia é investigada pelo Ministério Público Estadual (MP-BA).

OUTRO LADO

O presidente da FICC, Daniel Leão, atribuiu o atraso no pagamento da primeira parcela à substituição da diretora financeira da entidade. Segundo ele, o novo titular já foi nomeado e o pagamento às bandas e artistas deverá ocorrer, “no mais tardar”, na próxima segunda-feira (23). De acordo com o presidente, os recursos já foram liberados pelo prefeito Fernando Gomes para o pagamento.

Fonte : Pimenta na Moqueca

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here