Segundo o Ministério da Educação (MEC) vão ser liberados R$1,156 bilhão para as universidades federais porém o reitor da Universidade Federal da Bahia (UFBA) , João Carlos Salles, declarou que o valor não é o suficiente para o total funcionamento dos serviços.

O professor, também presidente da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), em entrevista na TV Bahia afirmou que irá batalhar para uma maior e total liberação das quantias que precisam para cobertura de dívidas e melhorias.

“São as despesas correntes de luz, água, limpeza, vigilância, manutenção. Tudo isso para garantir o funcionamento regular das universidades. Havendo esses recursos, nós vamos correr para pagar faturas. Algumas universidades precisam até de suplementação orçamentária. Algo que é conhecido do MEC”.

De acordo com o Reitor, com essa liberação anunciado pelo MEC, a UFBA deve receber cerca de R$ 24 milhões o que irá contribuir com o pagamento de dívidas acumuladas.

Fonte: VarelaNoticias

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Digite seu nome aqui