Robério e Cláudia Oliveira, Ubaldino Pinto Júnior e o pai Baiano tentam dar cavalo de pau depois que o acordo político entre eles, não prosperou.

As famílias Oliveira e Pinto pensam em lançar juntas candidaturas a prefeito de Porto Seguro, Cabrália e Eunápolis. Um samba do crioulo doido que virou hit na terra-mater.

Políticos que, antes, no palanque e redes sociais trocavam ataques, estariam fazendo reuniões longe do povo para planejar a partilha do bolo das prefeituras na Costa do Descobrimento. Como a ideia pegou muito mal, eles tentam parecer inimigos novamente.

No rádio, Ubaldino filho disse que apoiaria o pai. Já Ubaldino pai (Baiano), disse que se sente ‘honrado’ pelo apoio dos fraternos, mas que sua praia é Cabrália.

Por último, botaram a prefeita Cláudia Oliveira no samba, rebatendo a fala de Ubaldino no rádio, que atacou os fraternos.

2022

Por trás do teatro político pode ter a articulação do PT (leia-se Jaques Wagner e Rui Costa) de recrutar cabos eleitorais de luxo na terra-mater para as eleições de 2022, na campanha para governador.

Mas as famílias Oliveira e Pinto não estão levando em conta a vontade do eleitor, que tem o poder de apertar os botões da urna e explodir os planos da panelinha.

Por Geraldinho Alves, jornalista e editor do Bahia40graus

DEIXE UMA RESPOSTA

Você digitou um endereço de e-mail incorreto!
Digite seu nome aqui