Representantes das áreas de Relações Corporativas e de Desenvolvimento Social da Suzano reuniram-se na sexta-feira (22) com o prefeito de Caravelas (BA), Silvio Ramalho. O objetivo do encontro foi discutir alternativas para o município, em virtude da paralisação das atividades do Terminal de Barcaças, prevista para ocorrer em fevereiro.

A empresa apresentou diversas iniciativas, algumas das quais já em andamento, a fim de atenuar os efeitos da medida adotada em relação ao transporte de madeira em barcaças. A Suzano está empenhando esforços no remanejamento de equipes e oportunidades de primarização para outras frentes de trabalho da Companhia aos colaboradores que atuam nessa operação. As entrevistas já foram iniciadas, com o objetivo de identificar posições em que possam atuar na Suzano em Mucuri, em outras regiões do Extremo Sul da Bahia ou em Aracruz (ES).

Suzano também está compartilhando os currículos dos colaboradores com outras empresas do segmento portuário, para que avaliem oportunidades para esses profissionais, que são especializados na atividade. Em outra frente, a empresa vai estender à população de Caravelas a participação em programas de aprendizagem que buscam desenvolver a capacitação profissional entre os jovens. Ademais, a empresa realizará, nos próximos dias, treinamentos aos colaboradores do terminal sobre empreendedorismo e mercado de trabalho.

Na reunião entre o prefeito e os representantes da Suzano, a empresa também informou que iniciou diálogos com consultorias voltadas a orientar sobre o fortalecimento da atividade turística na região de Caravelas. O objetivo é estruturar um planejamento que possa resultar na geração de trabalho e renda envolvendo o turismo.

Outra proposta da Suzano para o município foi avaliar a inclusão de Caravelas em iniciativas que oferecem suporte para a melhoria da educação em escolas municipais, buscando ampliar o índice de desempenho da cidade nesse quesito. Além disso, estão sendo estudadas medidas de fortalecimento da agricultura local, que já possui diversas iniciativas apoiadas pela Companhia.

O gerente de Relações Corporativas da Suzano, André Brito, reiterou na conversa com o prefeito que a empresa manterá iniciativas de educação ambiental e desenvolvimento social já realizadas em Caravelas e região. “Estamos abertos a contribuir com a busca de alternativas que possam estimular a geração de trabalho e renda na cidade”, disse Brito.

A Suzano gera cerca de 6 mil empregos diretos no Extremo Sul da Bahia, contribuindo para o desenvolvimento econômico e social da região. Ademais, realiza diversos projetos e iniciativas voltadas ao desenvolvimento social e educação ambiental, englobando o PDRT – Programa de Desenvolvimento Rural Territorial, Colmeias (apicultura), Golfinho – atendimento a jovens em situação de vulnerabilidade social, entre outros. O objetivo é gerar e compartilhar valor com a região.

noticia10/ascom

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here