Seguindo com a estratégia de divulgação da música “Tá Solteira, mas não tá Sozinha”, lançada na última sexta-feira (29) com Xanddy (veja aqui), a cantora Ivete Sangalo realizou uma live com a influenciadora e humorista GKay. Além de assuntos pessoais, como a importância do agrupamento das mulheres para lidar com o preconceito, a baiana falou sobre a não realização do Carnaval em 2021 por conta dos efeitos da Covid-19. “Não tem mesmo que ter Carnaval. Tem que ter ciência, vacina, o povo sendo vacinado…”, indicou.

Esta não é a primeira vez que a baiana fala do assunto. Em setembro do ano passado, quando ainda era especulação, ela disse: “Faz parte da etiqueta da empatia eu não me deprimir com a ausência do Carnaval, porque esse definitivamente não é o maior problema que nós temos. É preciso ter distanciamento crítico e alguma maturidade”, confessou (veja aqui).

Apesar desse entendimento, a artista, que é uma das maiores expoentes da folia do momo no Brasil, admitiu não ser fácil esse entendimento. “Mas vou te falar: ‘Meu coração fica muito na saudade dessa festa que é muito importante para nós todos”, finalizou. Assista:  

Por outro lado, o empresário Marcello Britto, responsável pela produtora Salvador Produções, que cuida de carreiras como a de Léo Santana e Parangolé, voltou a falar sobre a necessidade da retomada do setor de entretenimento, parado desde o início da pandemia. Ele repostou um texto em suas redes sociais que apontam uma possível incongruência das autoridades públicas que proibem atividades, como shows, jogos de futebol e funcionamento de bares, mas permite a lotação das praias.

“Exemplos de hipocrisia não faltam Brasil a fora, somos peças de um jogo onde a política , a corrupção e a incompetência são as maiores responsáveis pelas milhares de mortes no país […] E nós, do entretenimento e da cultura, seguimos, entrando do 11º mês sem poder trabalhar assistindo toda essa hipocrisia sufocados como fossemos os criadores do Covid no mundo e hoje pagássemos o preço por isso”, diz um trecho. Ele recebeu apoio de artistas nos comentários, como o próprio Leo Santana, além de Tico e Rode Torres. Confira:

marcelofbritto

#Repost @andriwsmoraes with @make_repost
・・・
Litoral paulista, 30 de janeiro de 2021.

Restaurantes, bares e lojas fechados em São Paulo; O prefeito @brunocovas no Maracanã, a torcida na rua comemorando o título e as praias do litoral paulista lotadas esse FDS!

Exemplos de hipocrisia não faltam Brasil a fora, somos peças de um jogo onde a política , a corrupção e a incompetência são as maiores responsáveis pelas milhares de mortes no país.

Incompetência sim, incompetência que já tinhamos ciência há decadas , incompetência que o sistema de saúde precário, a educação vergonhosa, a insegurança sufocante já nos apontavam existir em larga escala na política brasileira.

Infelizmente nosso sitema é corrompido de ponta a ponta, vivemos em uma sociedade de faz de contas e hoje sofremos o reflexo de anos e anos de gestão pública pífia, de um executivo egoista e um judiciário que atende o interesse de poucos.

Enquanto isso à corrupção avança, corroendo nossas instituições por dentro e nem mesmo numa pandemia mundial eles têm um pouco de empatia e nos dão trégua.

E nós, do entretenimento e da cultura, seguimos, entrando do 11º mes sem poder trabalhar assistindo toda essa hipocrisia sufocados como fossemos os criadores do covid no mundo e hoje pagássemos o preço por isso.

E para piorar somos obrigados a ouvir os lacradores universais atras de clicks terem voz. Logo eles que sempre foram grandes personagens e hipócritas na nossa sociedade se acham no direito de julgar a todos, definir regras e se intitular paladinos da justiça mundial, detentores da chave celestial do juízo final.

Triste e revoltante.

Eu, assim como outros poucos, posso me dar o luxo de viajar de férias com minhas filhas mas sei que isso é uma exceção à regra e por isso me sinto no dever de me posicionar em favor de tanta gente anônima que de fato faz essa roda girar.

Os trabalhadores do entretenimento hoje agonizam, estão perdendo suas casas, suas dignignidades e muitos, inclusive, a saúde mental.

Nós, na medida do possível, vamos ajudando aqueles que podemos mas isso é muito pouco para um segmento gigante e que não tem o direito de trabalhar há 1 ano e são obrigados a assistir calados toda es

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here