Se você imaginou que as melhores cidades brasileiras para viver eram algumas capitais, está enganado. Nenhuma capital conseguiu ficar no Top-5 este ano, de acordo com o Índice de Desafios da Gestão Municipal elaborado pela consultoria Macroplan, que classificou as 100 maiores cidades do Brasil segundo quesitos como educação, saneamento, saúde e segurança. Apenas Curitiba-PR e Vitória-ES apareceram no Top-10.

No Top-5, apenas uma cidade não é do estado de São Paulo, que é justamente a líder do levantamento: Maringá-PR. O município paranaense ficou com uma taxa de 0,756, em uma escala que vai até 1,000. A cidade se destacou na segurança após registrar queda de homicídios e mortes no trânsito nos últimos anos, além da boa estrutura na saúde pública, o que permitiu um salto de posições desde o último levantamento.

Em segundo lugar apareceu Jundiaí-SP com o índice de 0,746, tendo como destaque a estrutura de saneamento. Os moradores contam com coleta de lixo e 99% deles têm acesso a abastecimento de água. Já o tratamento de esgoto abrange 98% dos lares.

Na terceira colocação ficou São José do Rio Preto-SP, com um índice muito próximo, alcançando 0,744. O destaque do município foi o bom desempenho na educação.

Confira o Top-5:

Fonte: Bahia.ba

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here